Feeds:
Posts
Comentários

il-divo-show-brasil-2016

Confirmado o show do Il Divo “Amor & Passion”  no Brasil em 22 de março de 2016, no Espaço das Américas, em São Paulo, Capital. Será numa terça-feira à noite. Os ingressos começam a ser vendidos hoje, às 18h, com preços a partir de R$ 100.

O anúncio foi feito pela produtora de Eventos Poladian e é uma resposta aos esforços de fãs brasileiros que têm se empenhado em uma campanha que pede o show do grupo no país, liderada por Ana Paula, Virgínia e Sandra Macella, do Fã Clube Il Divo Feelings.

Confira todas as informações sobre o show AQUI.

COMPRA DE INGRESSOS – INGRESSO RÁPIDO- AQUI

1021348

Vim compartilhar isso aqui com pessoas que entendem do assunto. Especialmente aquelas que já fizeram loucuras por um quarteto de ópera pop aí, conhecido como Il Divo… (eu! hahahaha!)

Psicóloga Sílvia Regina Simões

Paixão, palavra de origem Grega derivada de paschein, padecer uma determinada ação ou efeito de algum evento. É algo que acontece à pessoa independente de sua vontade ou mesmo contra ela. De paschein deriva pathos e patologia. Pathos designa tanto emoção como sofrimento e doença. As paixões, entendidas como emoções, mobilizam a pessoa impondo-se à sua vontade e à sua razão (Psico Online).

IMG_65971854118772,

Quem já se apaixonou sabe que a tirinha expressa de maneira muito bem humorada um fato quase desesperador. Quando nos apaixonamos, reagimos de forma tão intensa a esse sentimento, que perdemos a capacidade de impor nossa razão sobre nossos apelos mais íntimos.

O programa global Bem Estar publicou um conteúdo muito interessante a respeito do tema e gostaria de compartilhar com vocês hoje. Tem vídeo, infográfico e texto sobre os efeitos da paixão no comportamento humano, listando e explicando os estímulos internos…

Ver o post original 42 mais palavras

Muito interessante, para organizar melhor nossas atividades do dia a dia e fazer a jornada render!

Psicóloga Sílvia Regina Simões

Em maior ou menor grau, sentimos as oscilações de rendimento ao longo do dia. Ao acordar, algumas pessoas relatam “pegar no tranco”. Depois do almoço, a moleza é a queixa mais popular. Há uma explicação neuropsicológica para isso!

Veja no diagrama abaixo:

10612881_550494908413350_6485932921274461984_n

Pela manhã, faça listas e um pequeno planejamento do dia, baseado nessas informações sobre melhores e piores horários para exercer tipos diferentes de atividades. Atenção ao rendimento e como seu corpo responde aos estímulos e aproveite melhor sua energia! Isso também é autoconhecimento, tão presente no vocabulário dos psicólogos.😉

Um ótimo dia a todos!


foto site círculo silvia regina simoes psicologaSilvia Regina Simões
Psicóloga Clínica
Jundiaí – SP

Ver o post original

Pra quem adorou a receita de café cremoso (https://izambard.wordpress.com/2014/07/28/receitas-cappuccino-caseiro-cremoso/), informações bem legais!

Psicóloga Sílvia Regina Simões

Segunda-feira de manhã é pura falta de ânimo para a maioria das pessoas. Com suas propriedades benéficas, o café pode fazer toda a diferença! Ele age em todo o corpo, em especial no sistema nervoso central e confere força e energia em apenas 5 minutos! Confira aqui tudo o que precisa saber sobre os efeitos do café no seu comportamento.

O que o café provoca a curto prazo do café no organismo:

cafe-1

O café, no entanto, tem prós e contras para o nosso corpo. Fique atento:

pros-contras-cafe

Então, se você não tem nenhuma pré condição que impeça o consumo de cafeína (ansiedade crônica, gastrite, pressão arterial alta) e não gosta do sabor do café clássico, existem outras opções de ingerir a substância:

20140119170821709513aEntão, mantenha a calma, beba um café e aproveite sua segunda-feira com mais poder de executar suas tarefas!

MANTENHA A CALMA E BEBA UM CAFÉ

foto site círculo silvia regina simoes psicologaSilvia Regina Simões
Psicóloga Clínica
Jundiaí – SP

Ver o post original

Oi, pessoal!

Vocês repararam na travessa de espaguete com almôndegas no post da visita do Breno à minha casa?

Almôndegas com espaguete que fiz pro almoço, que virou jantar...

Almôndegas com espaguete que fiz pro almoço, que virou jantar…


Pois bem, vou repetir a receita hoje e depois, depois e depois, porque é fácil e simplesmente fantástica!

Todas as receitas do site Panelaterapia têm essas propriedades: são perfeitas, fantásticas, deliciosas e não têm erro. Então, passe lá e navegue, fique com água na boca e experimente sem medo de ser feliz!

RECEITA ALMÔNDEGA PANELATERAPIA – siga a receita de base.

O modo de preparo começa a ter o toque Lizzie de criatividade ou dificuldade de seguir instruções, hahaha!

Bom, eu segui a receita certinho e na hora de enrolar, usei uma colher de fazer bolas de sorvete para modelar as almôndegas, o que me ajudou MUITO.

colher sorvete para modelar almondegas

A massa ficou bem molenga, então coloquei por 10 minutos cada forma cheia de bolinhas no freezer. Ficou no ponto para fritar! Usei uma panela de fundo bem largo e consegui fritar 20 bolinhas por vez, em óleo bem quente. Ao retirar uma leva, aguardava o óleo esquentar bastante de novo. Elas diminuem de tamanho depois de fritas e ficam na medida ideal.

É preciso fazer bastaaaaaante molho, com o tempero o mais simples possível. Não coloquei nenhuma erva, só pimenta calabresa, sal e uma pitada de açúcar, pois o sabor principal é das almôndegas – saborosíssimas, por sinal!

Experimentem, eu garanto que vão gostar!

Um grande beijo*

Liz

Era uma vez um rolo de papel (adesivo vinílico, ok!) contact branco (Kalunga online, R$ 45) e um rolo de papel presente (100x70cm, Extra, R$ 2,99), um tubo de cola (Cascorez, 500 gr, R$ 8,90) e meu quarto se transformou! Comecei pela cômoda horrorosa, parti para as paredes, depois me empolguei com um rolo de barbante… et voilà!

Como não foi nada planejado, não tenho fotos de todos os antes. Inclusive, perdi o antes da cômoda! Uma pena, foi uma transformação mesmo!

Olhem só:

comoda e parede

O problema fundamental do quarto era que nada combinava. A cômoda era padrão cerejeira. O espelho tinha moldura em mogno. O armário e as camas, marfim. O forro é de madeira escura e o piso, beginho claro. Então, ficava um ambiente poluído e dava a impressão de estar sempre bagunçado. Aí, resolvi comprar o contact e envelopar a cômoda e o guarda roupa. Ambos estavam em ótimo estado e minha mãe não quis deixar eu mexer no guarda roupa. A cômoda não deu tempo de salvar, hahahaha! Foi então que decidi buscar unidade em outros aspectos.

Aplicar o papel de presente na parede, nessa tonalidade de lilás, ficou lindo! Vi por aí que era possível fazer isso diluindo cola em água (duas partes de cola e uma de água) e melecando bem o papel dos dois lados antes de colar na parede. Depois de aplicar, passa-se uma demão de cola sobre o papel e o efeito é igual ao daqueles adesivos próprios para parede.

Preenchi a parede livre lateral e coloquei algumas bolas de diferentes tamanhos saindo do meu criado mudo também, assim os dois lados do quarto passaram a se comunicar.

A ideia da luminária veio em seguida, achei que o barbante combinou muito com a composição rústica/romântica do quarto!

caixas guarda roupaSobre o armário, temos o mundo de enxoval da minha irmã, Cinthia, que casa no ano que vem. As caixas estavam precariamente decoradas com um papel bonito, mas que não combinava com nada! Aí, removi o papel anterior e apliquei contact nas tampas. Imprimi essas etiquetas em estilo vintage, em preto e branco mesmo e apliquei com cola branca diluída também, usando o mesmo princípio da parede. Ficou uma graça, né?
visão geral e criado mudoAqui dá pra ver como era a moldura do espelho e as caixas sob ele, que servem de criado mudo pra minha irmã. Ficaram OUTRA COISA no novo padrão contact + bolinhas de papel presente + etiquetas vintage! E o espelho agora é mais um recurso de decoração que reflete as bolas da parede contrária e não mais um ítem FEIO da decoração desbaratinada! O Léo é o brinde da foto! Hahaha!

Mas não é só isso!

Ainda vou fazer caseado de crochê nos passadores da cortina, não decidi ainda se de barbante cru ou linha lilás. E estou fazendo uma segunda luminária, agora de crochê, para fechar o rústico/romântico também no teto e ampliar a claridade, mas bem pouquinho.

luminária de crochê fazendo

Testando a disposição e cobertura dos squares sobre a bola. Eles foram crochetados em lã branca. Quem quiser os gráficos, só pedir nos comentários!

ÁREA EXTERNA

E, para finalizar, na direção da abertura da janela, vou instalar uma treliça com um planta trepadeira florida, para garantir uma sensação de frescor ao quarto, durante o dia.

Estou super empolgada e adorando os resultados!

Beijão, galera!

Post interessante no meu blog de Psicologia hoje! Confiram!

Psicóloga Sílvia Regina Simões

Eles não verbalizam seus desejos ou sentimentos, mas demonstram carinho e conseguem comida como ninguém! São fofos e podem ter penas, escamas, pelos, etc. Uma coisa é unânime, o amor que cultivamos na interação com eles é um dos mais puros e apreciáveis de nossas vidas. Estou falando dos bichos!

gente apaixonada por bichos

Gato, cachorro, porquinho da índia, passarinho, cobra, cavalo, etc. São muitas as possibilidades. De inteligência apurada, estabelecem um sistema amplo de comunicação não verbal conosco. A interação afetiva com os bichos alteram o funcionamento químico do nosso organismo, elevando a produção de oxitocina, hormônio que provoca sensação de bem estar, que faz com que nos sintamos “amados”.

Além disso, habilidades humanas importantes são reveladas por pessoas que adoram bichos. Responsabilidade e atenção às necessidades do animal no cuidado doméstico, capacidade de perceber um grupo distinto de respostas do animal que denotam afeto, devolver esse afeto, ter o que se chama “compaixão”…

Ver o post original 167 mais palavras

ANGÚSTIAS DE UMA DOIDIVANAS

Desabafos, distrações e o que eu quiser.

Dully Pepper24H

Arte pelo Amor, Arte pelo Mundo, Arte pela Paz!

Artesanato & Humor de Mulher

" Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina."

Psicóloga Sílvia Regina Simões

Psicóloga em Jundiaí - Psicoterapia clínica analítico comportamental

%d blogueiros gostam disto: